quarta-feira, 1 de setembro de 2010

Brasileiros assumem seleções do Haiti sem conhecer jogadores

DANIEL LEAL
NO RIO DE JANEIRO


MAURO GRAEFF JÚNIOR
NO RIO DE JANEIRO





Os técnicos das seleções masculina e feminina do Haiti serão dois brasileiros. Eles precisarão, literalmente, sair do zero. Nem conhecem seus atletas, jamais os viram jogar. Não sabem sequer o estado físico dos jogadores. A convocação foi feita pela Federação Haitiana.
– Vamos fazer avaliações técnicas e físicas. Só sei da seleção pelas pesquisas que fiz na internet. Será um desafio – diz Augusto Moura de Oliveira, 27 anos, o técnico da seleção feminina.
Apesar da situação, o técnico da seleção masculina, Edson Tavares, acredita que conseguirá recuperar o futebol do time, atualmente na 131 acolocação no ranking da Fifa.
– Sei que alguns jogadores atuam na França, Alemanha, Grécia e Holanda. Por enquanto, vamos começar somente com os que estão no Haiti. O Brasil poderá ajudar muito nessa reestruturação.
Postar um comentário